sexta-feira, 31 de janeiro de 2014

Em solenidade com líderes religiosos, Sebastião Viana entrega títulos definitivos a 50 igrejas do Acre

O governador Sebastião Viana aproveitou o ano eleitoral para entregar títulos definitivos a 50 igrejas católicas, evangélicas e espíritas do Acre.
A solenidade de entrega dos documentos aconteceu nesta quinta-feira, na Biblioteca Pública, com a presença das principais lideranças religiosas do estado, que foram mobilizadas pela assessoria do governo para comparecer ao ato.
Se para alguns a ação foi politiqueira, para os líderes das igrejas, que há anos buscavam o beneficio, o documento representa “benção de Deus” e, conseqüentemente, confirmação de aliança política com o governo petista.
O presidente da Ameacre (Associação dos Ministros Evangélicos do Acre), pastor Jucemir Bernardino de Farias, disse que as igrejas recebem o documento de regularização fundiária com os sentimentos de “boa vontade, reconhecimento e gratidão”.
campanha_03
A Igreja Católica foi quem mais recebeu títulos de regularização. No total, 17 paróquias foram contempladas com o documento. Para o bispo Joaquim Pertiñez, líder da Igreja no Acre, o ato representa “um compromisso do Estado com o social”.
A Assembleia de Deus, igreja que tem somente em Rio Branco mais de 300 templos, recebeu a documentação de sete terrenos de congregações.
Também estão entre as agraciadas pelo governo de Sebastião Viana, as igrejas Quadrangular e Metodista Wesleyana, além de denominações menores.
Sebastião Viana disse que a documentação “representa uma identidade e uma emancipação jurídica. Com isso as igrejas ganham autonomia pra tratar de um programa de desenvolvimento dos seus programas sociais, dos seus programas de cultura de religiosidade, desde montar uma livraria, um espaço de lazer, um espaço de formação profissional, de acolhimento da juventude, de paz. As igrejas têm a responsabilidade da fé, da espiritualidade, do debate de amor ao próximo e isso é um enorme desafio que o governo sozinho nunca vai dá conta. Então, fortalecer as igrejas é fortalecer a sociedade”, completou.
O governador prometeu ainda que até o final de seu governo irá entregar 60 mil títulos definitivos em todo Acre.
“Se Deus quiser vamos chegar aos 60 mil numa demonstração de respeito ao direito individual e ao direito a um bem de família que um pai e uma mãe pode dizer que daí podem deixar algo pros seus familiares”, prometeu Sebastião.


campanha_02

Nenhum comentário:

Postar um comentário