quarta-feira, 14 de dezembro de 2011

Mais trabalho e renda nas regiões isoladas

Governador Tião Viana entrega equipamentos de pequenos negócios para empreendedores de Jordão e Santa Rosa
O Governador Tião Viana esteve nesta terça-feira, 13, nos municípios de Santa Rosa do Purus e Jordão onde fez a entrega de Kits para Pequenos Negócios (Sérgio Vale/Secom)
O Governador Tião Viana esteve nesta terça-feira, 13, nos municípios de Santa Rosa do Purus e Jordão onde fez a entrega de Kits para Pequenos Negócios (Sérgio Vale/Secom)
O Governador Tião Viana esteve nesta terça-feira, 13, nos municípios de Santa Rosa do Purus e Jordão onde fez a entrega de Kits para Pequenos Negócios (Sérgio Vale/Secom)
O Governador Tião Viana esteve nesta terça-feira, 13, nos municípios de Santa Rosa do Purus e Jordão onde fez a entrega de Kits para Pequenos Negócios (Sérgio Vale/Secom)
Entusiasmo, alegria e emoção, muita emoção. Foi como dezenas de pessoas receberam das mãos do governador Tião Viana nesta terça-feira, 13, nos municípios isolados de Santa Rosa e do Jordão, importantes instrumentos de trabalho que vão lhes permitir exercerem profissões como as de eletricistas, mecânicos de barcos e padeiros nas duas localidades.
“Mais vida, meu filho”, disse Antônia Fernandes de Souza, 42 anos, natural de Rio Branco, há 12 anos morando em Santa Rosa, ao responder a pergunta sobre o que significava deixar de ser dependente do programa Bolsa Família para se tornar uma das 15 padeiras e padeiros formados pela Secretaria de Pequenos Negócios naquele pequeno município acreano de cinco mil habitantes.
Com a voz embargada de emoção e “agradecimento de coração” ao governador Tião Viana e sua equipe de governo, Antônia Fernandes ainda não sabe o que fará com o salário de mais de R$ 1 mil que começa a receber inicialmente como empreendedora da padaria comunitária, que acaba de ser montada na cidade pelo governo do estado, com máquinas e equipamentos modernos. É a primeira padaria do município.
Antes dos pequenos negócios se instalarem em Santa Rosa, Antônia Fernandes, mãe de um menino de sete anos, não chegava a ganhar R$ 300 ao vender nas ruas os pães que fabricava de forma artesanal em sua própria casa. Fazendo parte da padaria comunitária, ela tem chance de elevar em breve sua renda mensal para mais de R$ 3 mil mensais.
Na padaria comunitária, Antônia e sua nova colega de profissão, a índia Rosália Pereira Kaxinawá, sete filhos, solteira e recém saída da aldeia Nova Fronteira, dividiam a alegria e a satisfação do novo trabalho, de elevada renda e agregação familiar, com o novo mecânico Valdemar e o recém formado eletricista Francisco.
Enquanto ajudava o governador a entregar os primeiros dos 45 equipamentos de trabalho dos novos empreendedores de Santa Rosa, o prefeito José Brasil (PT) não cabia de contentamento ao falar dos “tantos empregos, de mais renda e de mais qualidade de vida que estão chegando a nosso município”.
Segundo Zé  Brasil, como é mais conhecido, o município sempre dependeu da prefeitura para gerar empregos e renda. “São 45 pessoas que não vão mais depender da prefeitura para viver, mas dos pequenos negócios que elas vão empreender como novas profissionais capacitadas do nosso município”, assinalou Brasil, que governa um município com mais de 55% de sua população composta por índios Kaxinawá, Jaminawá e Kulina, habitantes das duas margens do belo e majestoso rio Purus.
“Viemos aqui fortalecer as população que mais precisa de apoio, que mais precisa de trabalho e da geração de renda”, assinalou o governador, em sua terceira viagem a Santa Rosa e ao Jordão, sempre levando obras e ações em favor da melhoria da qualidade de vida de suas populações.
Ao lado do governador, os novos profissionais Francisco e Valdemar faziam questão de agradecer a ele a oportunidade “preciosa” que eles tiveram para exercerem profissões que vão lhe permitir “sustentar melhor” suas famílias. “Quero agradecer ao governador e ao seu governo, que trouxeram trabalho e renda para quem estava desempregado aqui no nosso município”, disse também emocionado o eletricista Francisco.
O governador estava acompanhado do secretário da Produção Familiar, Lourival Marques, do secretário de Comunicação, Leonildo Rosas e da subsecretária de Pequenos Negócios, Silvia Monteiro, uma grande entusiasta dos milhares de pequenos negócios que estão nascendo por todo o território acreano. Em nome do governo, a enfermeira Ruth Lima também entregou alguns dos 520 filtros para tratar a água, que serão distribuídos para os ribeirinhos e trabalhadores rurais do município, contribuindo para melhorar a saúde de todos.

 (Sérgio Vale/Secom) (destaque) - Para encerrar, o governador Tião Viana destacou a importância da oportunidade de um novo caminhar para as populações dos municípios de Santa Rosa e Jordão
(Sérgio Vale/Secom) (destaque) - Para encerrar, o governador Tião Viana destacou a importância da oportunidade de um novo caminhar para as populações dos municípios de Santa Rosa e Jordão

Tião Viana e Lourival Marques lembraram outras obras e ações que estão sendo executadas ou serão implementadas em Santa Rosa, tais como o hospital, em fase de conclusão, cinco casas de vegetação para produção de hortaliças, R$ 1 milhão para o Programa de Aquisição de Alimentos (PAA) comprar a produção dos pequenos agricultores que será destinada à merenda escolar, 200 barcos e equipamentos para a produção dos ribeirinhos e sementes para a produção de feijão. Os habitantes de Santa Rosa também vão receber em breve cerca de 400 títulos definitivos dos terrenos de suas casas.
O governador Tião Viana lembrou que também começarão a ser construídos em breve 80 tanques com capacidade de produção de 10 toneladas de peixe cada, o que vai resultar numa produção anual de 800 toneladas, enriquecendo a alimentação de toda a população de Santa Rosa e servindo de novas fontes de empregos e renda para o município.
Pequenos negócios e muita produção agrícola
No Jordão, outro pequeno município, situado à beira dos rios Tarauacá e Jordão, o governador entregou 45 outros kits com equipamentos para 45 novos empreendedores de padaria comunitária, de mecânica de barco e de eletricidade, que vão aquecer a economia do município.
Com cerca da metade de sua população composta de índios, principalmente Kaxinawá, o município do Jordão também foi beneficiado com 45 pequenos negócios e com filtros que tratam a água. Na área da produção, o secretário Lourival Marques anunciou a entrega de carneiros e porcos e de sementes de feijão, melancia, arroz e milho, além da construção de tanques para a criação de peixe.
A padeira Sueni Nascimento, o mecânico Raimundo e o eletricista Ronaldo também fizeram questão de abraçar e agradecer a Tião Viana a oportunidade que o seu governo deu para eles conseguirem trabalho e renda no município. “Estou muito agradecido por tudo isso que o governo está nos dando. Vamos retribuir caminhando e trabalhando com os nossos próprios negócios”, completou o recém formado eletricista Ronaldo.
O prefeito Hilário Melo agradeceu as iniciativas de geração de emprego e renda no município por parte do governo do estado. “Isso tudo são coisas muito concretas, que nos alegra muito, pois muitas pessoas foram capacitadas em nosso município para gerar renda para sustentarem dignamente as suas famílias”, assinalou Melo.
Para encerrar, o governador Tião Viana destacou a importância da oportunidade de um novo caminhar para as populações dos municípios de Santa Rosa e Jordão. “Vamos gerar renda própria com mais trabalho para a comunidade, tirando ela do Bolsa Família e do CAD Único”, destacou o governador.

Nenhum comentário:

Postar um comentário